Páginas

Imagem estudio

Imagem estudio

"Minhas criações não são protagonistas. Elas se encaixam em qualquer lugar. Não faço peças extravagantes, daquelas que você precisa montar o ambiente inteiro em função delas. Meu design é direto."

ESTEVÃO TOLEDO

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

O Santo e o Profano, nos feudos de um designer criador / Estêvão Toledo



Como designer de produto deveria ter como principal objetivo o produto industrializado, mas existe uma energia irresistível que me puxa ao produto artesanal, contrariando alguns antigos conceitos grosseiramente eleborados, de que a presença de Deus estava nos trabalhos intelectuais, enquanto que os trabalhos manuais tendiam para um lado menor, profano, de pobre espiritualidade e por consequência de menor valor. Acho esta tipo de pensamento deveras repugnante, a qualidade de um trabalho depende de todo o envolvimento e e qualidade em todas as etapas do projeto. 

Particularmente para mim, muito pelo contrário do que se diziam alguns dos antigos pensadores, o trabalho artesanal de qualidade está repleto de algo superior, nos enche a alma os olhos e o coração, de uma forma tão delicada, sincera e singela de nos ligar a faceta de um Deus Criador, Aquele que gera beleza de forma equilibrada, plástica e concreta. 
Acho que este filme nos exemplifica do espírito artista, que existe peculiarmente na faceta daqueles que se arriscam em produzir algo belo, e que por muitas vezes este belo vai muito além do produto final, mas compreende também seu desenvolvimento.
   


sexta-feira, 26 de setembro de 2014

A Potência "P" - Paixão Pelo Processo de Produção, 4xP / Estêvão Toledo


"Eu amava como amava um pescador
Que se encanta mais com a rede que com o mar.
Eu amava como jamais poderia
Se soubesse como te contar..
"
(Oswaldo Montenegro - Lua e Flor)


Assim sempre fui eu,  me encantando muito mais com as peças de um objeto do que me entreter com sua função. Na época do violão gostava de mexer, tirar e colocar as cordas, mas tocar mesmo não me encantava. Na época do skate foi  a mesmo coisa, gostava de desmontar, remontar, trocar rodinhas e mexer com as ferramentas. Minha diversão estava basicamente nisso, muito mais que andar e fazer manobras. Verdade que não tinha facilidades, mas para acompanhar os amigos me empenhava com afinco no esporte e admirava os habilidosos da modalidade.
Posto aqui um video do desenrrolar da produção de uma prancha para Skate. Fabricado de forma semi artesanal. Gostaria aqui de dividir com este video, a satisfação que é poder acompanhar a produção de uma peça, o carinho, beleza e cuidado que cada etapa exige para a finalização de um produto bem feito.


 

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Alessandra Ambrosio e Cadeira Ipanema Black na Campanha Schutz Verão 2015 / Estevão Toledo.

Minha Famosa Cadeira Ipanema Black foi eleita para ao lado da super Top model Alessandra Ambrosio para compor a Incrível campanha Schutz (link p loja) Summer Collection 2015. Um show de belezas juntas, confiram!!!


Alessandra Ambrosio e cadeira Ipanema Black

Veja Também o Making off, da sessão de fotos.



quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Design - Arte Exposiçnao Inéditos - IDA - Feira internacional de Design / Estevao Toledo


..." Móveis que recuperam a força do design vernacular e as técnicas artesanais brasileiras; peças que trazem alto nível de artisticidade, descortinando
mais um capítulo desta relação tão delicada e complexa
entre arte e design." ...

 ... "A nova geração de designers traz o vigor da atitude especulativa,
explorando o papel do design como catalisador de modos
de vida, de sonhos, de novas paisagens domésticas."...
MARIA CECILIA LOSCHIAVO DOS SANTOS

Designers participantes da IDA Feira Internacional de Designer e Arte



sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Detalhe Poltrona Sinhazinha / Estevao Toledo

 "Tem que ter GARRA, tem que ter pegada, tem que ter a mãnha, mas também bom humor e uma pitada de ironia..."






Detalhe da polrona Sinhazinha para IDA Feira Internacional de design e Arte, poltrona desenvolvida especialmente para a exposição "peça única"(para maiores informações clicando sobre o nome abre automaticamente o site). O evento acontecerá entre os dias 10 a 14 de setembro de 2014, no pier Mauá - Armazem 5 - Rio de Janeiro Brasil, não percam.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

O obscuro caminho de quem começa a carreira de designer. / Estevao Toledo





Estes dias respondi a mais um de tantos e-mail que me chegam buscando sempre a mesma informação: Como posso iniciar minha carreira no design de móveis? Pedem que dê curso ou palestra sobre o assunto, mas por enquanto prefiro deixar minha visão de forma aberta e acessível na rede, se alguem mais me perguntar tá aí!!!
Primeiramente tenho que te dizer que não tem caminho milagroso, é o tempo e sua perseverança determinarão seu futuro. Mesmo para mim não foi nada fácil,  fui obrigado a frustar meus pais logo de cara, pois não seria um engenheiro como eles pensavam, lutei pela credibilidade de que o Design seria meu caminho, não foi nada fácil tive que peitar uma guerra domiciliar, mas quando sua vida esta em jogo é melhor colocar a sorte no que você acredita e não em opniões externas ainda que sejam pessoas de extrema confiança, pondere e lembre-se, quem terá que conviver ou não com a escolha será você mesmo. Alem de que se você achar uma profissão que se ganha dinheiro fácil, sem compromisso, pouca  força de vontade e de forma legal me conta, que com certeza farei esta junto com o design, com quem me casei e sou extremamente realizado.
Por isso não desanime e força pra buscar o que quer, isso poderá lhe trazer grande satisfação no futuro.  Então vamos lá para uns conselhos mais pragmáticos.

Um designer se faz com toda a experiencia adquirida na vida, quando não se tem uma relação com peças, produtos e produção, se tira isso das vivencias normais da vida, conforme for trabalhando este conhecimento mais direcionado te dará alicerce cada vez mais para se reafirmar como profissional, sei que não é o caso mas você chegara lá. Se você for analisar a carreira de grande profissionais como Carlos Motta, Sergio Rodrigues, Jorge Zalszupin, Fernando e Humberto Campa, Zanini de Zanine, verá que o enredo da vida de cada um da o tom das primeiras peças que realizou, ou seja as primeira peça tem a ver com o entorno, que tipo de mão de obra disponho, que tipo de material é encontrado com facilidade, seu senso estético, conceitos etc... ou seja começamos com o que temos a nosso redor.

Você fala sobre o curso de marcenaria, acho importante para você ter em sua bagagem processos produtivo, materiais, valor, ferragens, mão de obra, tempo de confecção, problemas da peça, etc... ótimo para quem busca ser marceneiro, porém não será suficiente para quem busca o Designer, é necessário mais. A grande dificuldade de ser designer é que este é o tipo do profissional que deve ser metade engenheiro(marceneiro), ou seja que conhece bastante tecnicamente e sabe o que está fazendo, mas por outro lado tem que ser artista com suas características sonhador, curioso, saber combinar, ousado, ter senso de equilibro e estético . Muitas vezes duas personalidades que entram em contradição lado direto e lado esquerdo do cérebro.

Mas acho que de forma simples da para te dar mais ou menos um cronograma:
1. Ler a biografia de alguns designers e estudar peças do design
2. Analisar ao seu redor que tipo de produto é possível fazer, qual e como.
3. Tentar participar de concursos, mostrar para arquitetos , parentes, lojistas ( e ser forte o suficiente para escutar tudo e saber separar o que tem sentido e o que não, no começo doi muito os palpites negativos, mas conforme crescemos na carreira isso fica mais ameno, não pare por isso e siga em frente).
4. Ir a eventos, feiras, fazer contatos mostrar seu trabalho se fazer conhecida, do tipo gente to aqui!!!
5. Criar novas peças, a partir destas novas experiencias...

Bom, este é um resumão, não sei se ficou claro, mas espero ter te ajudado, quando vier pra São Paulo aparece aqui no estúdio e papeamos mais, vou torcer por sua carreira!!
Desculpe os erros de português, mas estou escrevendo rápido...
Um beijo, te desejo muitos sucessos, e lembre se  no começo tudo é só uma idéia, assim como uma semente, como o passar dos dias, atenção, cuidado e alguma sorte virará uma árvore bem grande.

Estêvão Toledo.

terça-feira, 10 de junho de 2014

Topper e Oskar Metsavaht / Estevão Toledo

Metade de mim se sente realizado em saber que criativamente estou  uns 10 anos na frente de duas marcas tão importantes, sendo que uma delas a Osklen marca de Oskar Metsavaht, que admiro muito principalmente pela fonte de inspiração, mostrando um Brasil de forma bacana, elegante e super cool. Porém metade de mim se entristece em saber que, mesmo tendo grandes idéias as vezes os produtos tem sua viabilidade e exposição comprometida.





Capa de catalogo Brasil Faz Design 2004 



De qualquer forma um Designer vive de inovação, de olhar para frente percebendo o entorno, se tenho feeling para a coisas, e de fato acho que isso é o que conta, a única arma que luto nesta guerra é com meu TALENTO, e mesmo aparecendo um produto muito similar ao que criei percebo um elogio bastante relevante nesta história toda. E como designer vive de futuro e não de passado vamos em frente que a direção tá certa, pelo menos assim mostra o rastro deixado.



Se algum dia Oskar Metsavaht ler este meu post, queria que soubesse que o admiro, nem acho que tenha me copiado, acho a Bolsa Bola um produto muito legal, uma idéia meio que tá ali algo até meio óbvio e é bem possível uma coincidência. Sei que gosta de marcenaria também, e quem sabe um dia façamos algo visto que temos temos então alguma visão em comum,  curiosamente a minha primeira  luminária "Raiz de Fora" foi comprada por ele para a loja Osklen da Oscar Freire.

Bolsa Bola - Oskar Metsavaht para Topper.

terça-feira, 3 de junho de 2014

Lançamento Livro Jorge Zalszupin / Estêvão Toledo

Ontem, 02 de junho de 2014 , aconteceu o Lançamento do livro de Jorge Zalszupin da editora Olhares, escrito por Maria Cecilia Loschiavo, organizado por Lissa Carmona Tozzi. Muita gente bacana, o próprio Jorge Zalszupin presente assinando os livros, que iam sendo vendidos mais rápidos que o esperado pela livraria Cultura do Shopping Iguatemi.

Convite do lançamento

Antes de citar sobre a o livro em si, gostaria de destacar a relevância do trabalho de Maria Cecilia Loschiavo, a própria cita no livro uma frase de Aldir Blanc "O Brasil não conhece o Brasil",  ela trabalha de forma efetiva para contradizer esta sitação, e não digo isto especificamente só por conta do lançamento deste livro,  ela também é autora do que para mim é uma das maiores referências  da história do design nacional, com o livro "móvel moderno no Brasil", imagino a profundidade e persistência que a autora precisou para encontrar, organizar e produzir estes dois  livros, num cenário do Brasil que não sabe guardar sua história. Para aqueles que acompanham o blog citei esta mesma dificuldade quando postei sobre o filme Dominguinhos por aqui. 

Curiosidade: O livro "O Móvel moderno Brasileiro" hoje em dia é um livro esgotado, só é possível encontra-lo com alguém conhecido ou em algum sebo e com muita sorte. Achei um no mercado livre com preço altíssimo e selo de raridade. Ouvi dizer a boca pequena que talvez seja re-editado, fico na torcida para que esta fofoca seja verdade, portanto 



Conselho: se puderem comprem o livro, pois assim como acontece com as peça design de mobiliario nacional, também se repete aos livros de design nacional, quanto mais velhos mais raros, e mais especiais!!!

Acredito que o trabalho do grande Designer Jorge Zalszupin, nem precisa de apresentações afinal a elegância das peças é algo escandaloso, detelhas como parafusos e outros adereços de seus móveis são belissimos com requinte delicadamente singular, estentendo esta força estética a peça como um todo.








Ontem também foi o lançamento da sua autobiografia : de * pra lua , a primeira vista um livro que me parece ser bastante interessante, mas confeço que ainda não tive tempo de ler com maior profundidade, mas logo que tiver dado a atenção merecida compartilharei por aqui.



Jorge Zalszupin assinando meu livro .
"A cima um aqueles raros momentos onde o coração se enche, o cabeça se esvazia e não nos lembramos mais daquilo que tinhamos previamente preparado para dizer... meu discurso se foi dando espaço a alegria de estar perante do que para mim é um dos grandes..."

E se vc não pode ir ontem, fica a minha  dica, espero que gostem.



quarta-feira, 21 de maio de 2014

Filme "Dominguinhos"/ Eduardo Nazarian e Mariana Aydar






Cantei, dancei, ri e chorei durante a pré-estreia do filme “Dominguinhos” idealizado por Eduardo Nazarian com Mariana Aydar. Por meio de imagens, texturas e sons fomos transportados ao sertão da meninice do sanfoneiro. À medida que as imagens se tornavam mais nítidas e claras fomos deixando a dureza do cerrado e lentamente invadidos pelo alivio da crescente trajetória de “Dominguinhos”. 

O documentário transcende seu papel, de maneira sensível, retrata a alma do mestre e nos presenteia com a narração do próprio artista, que ao pé do ouvido, nos conta sua historia acompanhado pela "respiração" de sua sanfona. Lindas parcerias são enriquecidas pelo fole do mestre, que combinado aos arquivos valiosos torna evidente a delicadeza no trabalho de pesquisa e composição dos fragmentos dando ao filme um caráter totalmente orgânico. 

Meu sentimento após a exibição é de total gratidão para com aqueles que tiveram a coragem e ousadia de proteger nosso legado cultural de forma tão amorosa e persistente. Obrigada

O filme estreia 22 de Maio no Espaço Itaú de Cinema/ São Paulo.



Não deixem de assistir "Dominguinhos", assim como a sanfona, o filme soprará bem próximo de seu coração. 
Só nos resta um lamento, "...que bom seria se Dominguinhos pudesse ter visto..."

O projeto Dominguinhos+ é formado por um filme, uma websérie e uma playlist inédita.
https://www.youtube.com/user/dominguinhosmais  














A websérie é composta por 8 episódios em que aparecem os últimos encontros
de Dominguinhos em estúdio e as falas emocionadas de seus companheiros de estrada com participação de Gilberto GIl, Djavan, Elba Ramalho, Lenine, Hermeto Pascoal, João Donato, Yamandu Costa e Hamilton de Holanda.
Ficha Técnica websérie Dominguinhos+
Direção Geral: Felipe Briso
Direção Musical: Eduardo Nazarian, Mariana Aydar e Duani
Produção: Deborah Osborn e Gilberto Topczewski


Pré estréia "Dominguinhos"/ Mariana Aydar, Eduardo Nazarian e Estevão Toledo/ Foto: Pamela Caszely

Trailer do filme.









quarta-feira, 23 de abril de 2014

O bom gosto desperta a alma / Estevao Toledo


Quando o Design sensibiliza é assim: O que combina a gente come com os olhos, aprecia com a alma e alegra o coração... num deflagar emocional sem controle,  um todo num instante, provocando a complexidade do ser, porém de forma  espantosamente  natural e singela.



sexta-feira, 4 de abril de 2014

Idéias, rabiscos e produtos "designeando" a vida - Estevão Toledo

"No começo tudo é apenas uma semente,  uma idéia, um rabisco.... do fruto da  persistência pragmática nasce o produto"... "E no que diz respeito a aprendizado, um mal produto ainda é mil vezes melhor que uma execelente idéia que não frutificou..." (Estevao Toledo).

sexta-feira, 28 de março de 2014

Quando precisar do Estudio e Marcenaria Estêvão Toledo / EstêvãoToledo

 Bem vindo ao estúdio Estevao Toledo, você sabe o que fazemos por aqui?

Fachada Estudio Estevao Toledo por Estevao Toledo. Rua Flórida 859 brooklin Sao Paulo

O palavra design não é algo novo como era há alguns anos atrás, já está incorporado ao cotidiano e muito presente em nosso vocabulário, porém quando dizemos "nossa que design bacana este objeto tem" queremos dizer sobre o desenho e linhas da peça, porém o DESIGN vai muito além disso. Como designer de produto e proprietário de uma marcenaria no brás, noto que as pessoas ainda se sentem inseguras quanto ao que realizo e como ter um produto de design assinado não é algo tão caro e complicado assim.

Pra facilitar a explicação separarei minha ação em 3 grupos diferentes de públicos: 


       1.Para pessoas que estão decorando suas próprias casa: 
  • Peças de design assinadas produzidas em pequena escala, de forma artesanal como: mesa, cadeiras, luminárias, poltronas, sofás. É possível ver-las no site(é só clicar) Estêvão Toledo
  • Crio projeto e executo de marcenaria  personalizadas  como, armários embutidos, home theaters, cozinhas, estantes etc ... de acordo com as necessidades funcionais, bom gosto e inovação. Podendo mesclar outros materias como metais, acrílico, tecidos. 
      2.Para Arquitetos: 
  • Peças de design assinadas produzidas em pequena escala, de forma artesanal como: mesa, cadeiras, luminárias, poltronas, sofás. É possível ver-las no site(é só clicar) Estêvão Toledo
  •  Desenvolvimento de peças especiais, produtos que desejam, porém não emcontram em lojas, e a demanda não permitem que se dediquem exclusivamente realização da peças.  
  • Executamos a parte de marcenaria seguindo seu desenho.
    3.Para fabricantes e lojas especializadas: 
  • Desenvolvimento de produto, criação de peças voltada a marca e/ou a capacidade de produção.
  • Realizamos a produção das peças para revenda.

Um móvel assinado por um designer jamais perderá seu valor como os demais, muito pelo contrário valorizará confome a exposição do artista em sua carreira.
Marcenaria no bairro do Brás.

quinta-feira, 20 de março de 2014

Extreme Makeover Social - Um pouquinho de tudo... / Estevao Toledo.

Estes dias recebi da Cristiana Arcangeli um video, que resume a temporada que fizemos no Extreme Makeover Social, e foi uma surpresa, pois vemos com outros olhos quando  analisamos algo com a distância do tempo. Refletindo vi que tive uma grande oportunidade de poder ajudar pessoas necessitadas e divertir tantas outras milhares com um programa pela televisão. 
Apesar do programa ser bastante alegre, pra cima e divertido, lembrei das histórias das pessoas ali envolvidas, chegar de surpresa nas casas era um desafio imenso, a pessoa que abria a porta geralmente levava sobre seus ombros o peso das responsabilidades e problemáticas de todos os outros que viriam após ela. Era difícil para um perfil de pessoa forte assim, que logo de cara se derramasse em lágrimas por nossa chegada, pois nossa presença ajudaria imensamente a desenvolver o incrível trabalho que realizavam, mas que evidentemente não estavamos trazendo a solução para tudo, mas uma forma pragmática de dizer que, como sociedade admiramos, respeitamos e apoiamos o que fazem pelo semelhante, valorizando aquilo que realmente tem valor, que é a VIDA.



"para sermos felizes devemos proporcionar felicidade..."

quarta-feira, 12 de março de 2014

Sorteio Est. pelo Instagram / Estevao Toledo

Sorteio do concorrido case de madeira para Iphone 5, acontecerá nesta sexta feira 14 de março, corre no  instagram @estevaotoledo , 

1.siga @estevaotoledo
2.curta a foto mais recente foto 
3.coloque o nome de um amigo no comentário.

PRONTO, participe desta brincadeira, ainda dá tempo!! 
BOA SORTE!!!!

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Design do Horror / Estevao Toledo

Estes dias encontrei em meu quintal, uma figurinha muito interessante e inédita,  que veio especialmente para contar algo realmente importante sobre design, escute só o que ela me disse:

Taturana que apareceu para me dizer algo importante sobre design.


Taturana:Psiu psiu, ôô, Você é designer?
Eu: Sim, sim senhora...
Taturana:Então prestenção aê, vou falar só uma vez, e não me interrompa pô!!!
Eu:  Só fiz que sim com a cabeça, pra não interromper... vai que a bicha é doida...
Taturana:No Design do Horror, insetos como eu Taturana, foram importantes fontes de inspiração para a criação de personagens, que se tornaram verdadeiras e espantosas estrelas "Hollywoodianas". Um dos destaques que beberam desta fonte foi: o Designer H.R. Ginger (1940) que criou Alien "Oitavo passageiro "em 1979, personagem horripilante que, inclusive lhe proporcionou talvez a mais maravilhosa sensação em sua vida profissional, a de ganhar um Óscar, para Melhores Efeitos Especiais em 1980. Ginger também tem trabalhos como  escultor, designer de Interiores e desenhista ultra-realistas.

Alien o oitavo Passageiro

H.R.Ginger- entre estatuas de sua criação.

Outros monstros igualmente famosos do cinema também foram concebidos nesta mesma linha de raciocínio da criação do Alien, exemplos mais famosos são:"A Mosca"(1986), "Predador", os monstrinhos alieniginas de MIB(homens de preto) como tantos outros.

A Mosca - filme de 1986
  Anos mais tarde, mais precisamente em 2004 fizeram um Filme Alien VS. Predador, ainda arrancando arrepios daqueles que gostam deste gênero de filme, e lucrando mais um pouquinho com a história.
Esta combinação de,  nós insetos serem transformando em monstros parece ser mesmo uma parceria de sucesso quando se quer causar medo e aflição, se duvidar pode perguntar a F. Kafka que já tinha sacado isso lá em 1912, quando escreveu "A metamorfóse".


Acho que o interessante de toda este minha conversa, é mesmo para te atentar sobre a importância de onde você busca suas inspirações, e se tiver a felicidade de encontra-las muito provavelmente conquistará possibilidades inesgotáveis de idéias para a formulação de novos projetos. Diferentemente de você, seu cabeçudo insencível que só pensa em me matar, pois iria comer sua planta,  Ginger com sensibilidade impar observou  nossa "beleza" e com isso chegou a ganhar um Óscar.
 "O design está limitado até onde os olhos do designer consegue enxergar"(Taturana).

E é isso o resto você reflete, e me dá licença antes que você mude de idéia e ponha minha vida em risco novamente !!!!
       



sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Restaurante Santinho MCB (Museu da casa Brasileira) / Estevao Toledo

Ano passado foi Inaugurado o Santinho MCB, uma filial do Restaurante Capim Santo, sob o comando da chef Morena Leite, faz pratos com um quê de Brasil de forma contemporânea com muito bom gosto e requinte.
Por estar no Museu da Casa brasileira, foi proposta uma mesa de 12 lugares bastante especial, só com grandes nomes do design nacional, mesa de madeira de jaqueira Hugo frança, e 12 cadeiras dos designers: Carlos Motta, Sérgio Rodrigues, Zanini de Zanine, Guto Indio da Costa, Paulo Alves, Jader de Oliveira, Fernando Mendes, Tadeu Paisan,Sergio Fahrer, Pedro Useche, e o grande Estevão Toledo (hihihihi, puxando um pouco a brasa pra minha sardinha, já que vc esta lendo meu blog).
Brincadeira a parte, o ambiente é maravilhoso, a comida nem preciso dizer, afinal  Morena Leite é super recomendada não só no Brasil como fora daqui. Mas um dos pontos mais incríveis é o Jardim do Museu, você praticamente almoça dentro dele, em companhia de árvores maravilhosas e um espaço raríssimo pra quem está acostumado ao style de Sampa City, levar crianças, é boa idéia pois   enquanto vc almoça tranquilamente elas podem correr pelo jardim.


segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Voltando tudo e com tudo!!! / Estevao Toledo


Voltando Tudo e com tudo, desejando que o ano de 2014 seja um ano de muitos desafios, trabalhos, criatividade e resultados. Mas que possamos principalmente  desfrutar e aprender com cada momento. 




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...